A Menina que Roubava Livros vai virar filme!

   Sucesso absoluto de público e de crítica, “A Menina que Roubava Livros” chegará ao cinema. O novo clássico do escritor australiano Markus Zusak permance há 280 semanas na lista de mais vendidos do New York Times. O sucesso no Brasil também perdura: são mais de 2 milhões de exemplares comercializados.
Com estreia prevista para 2014 nos Estados Unidos (segundo site IMDb), a adaptação será dirigida por Brian Percival (Downton Abbey). A inesquecível Liesel Meminger será interpretada pela atriz franco-canadense Sophie Nélisse, estrela do indicado ao Oscar Monsieur Lazhar. Geoffrey Rush (indicado ao Oscar por O discurso do Rei) e Emily Watson (Anna Karenina) viverão seus pais adotivos.
As filmagens começam nesse mês, em Berlim. A produção é de Karen Rosenfelt e Ken Blancato.

Samantha.

Anúncios

Filmes antigos

Selecionei 3 filmes “antigos” que eu já assisti e super aprovo HAHAHA, para assistir nesse finalzinho de férias.

Curtindo a Vida Adoidado 

Esse sem dúvidas é o meu preferido, já assisti milhões de vezes HAHAHA.

Filme de 1986,

No último semestre do curso do colégio, estudante (Matthew Broderick) sente um incontrolável desejo de matar a aula e planeja um grande programa na cidade com a namorada (Mia Sara), seu melhor amigo (Alan Ruck) e uma Ferrari. Só que para poder realizar seu desejo ele precisa escapar do diretor (Jeffrey Jones) do colégio e de sua própria irmã (Jennifer Grey).

Clube dos cinco

Filme de 1985,

Em virtude de terem cometido pequenos delitos, cinco adolescentes são confinados no colégio em um sábado, tendo de escrever uma redação de mil palavras sobre o que eles pensam de si mesmos. Apesar de serem pessoas bem diferentes, enquanto o dia transcorre passam a aceitar uns aos outros e várias confissões são feitas entre eles.

De volta para o futuro

Filme de 1985,

Um jovem (Michael J. Fox) aciona acidentalmente uma máquina do tempo construída por um cientista (Christopher Lloyd) em um Delorean, retornando aos anos 50. Lá conhece sua mãe (Lea Thompson), antes ainda do casamento com seu pai, que fica apaixonada por ele. Tal paixão põe em risco sua própria existência, pois alteraria todo o futuro, forçando-o a servir de cupido entre seus pais.

Beijos, Samantha